Onigiris – Receita na Bimby

Ingredientes:

Para o arroz:
200g de arroz para sushi
1 c.chá de sal
1200g de água
50ml de vinagre de arroz
4 c.sopa de sementes de sésamo
2 c.sopa de mistura salgada de sementes (opcional)
alga nori

Recheio:
1 lombo de salmão selvagem
pepino
queijo creme


Modo de preparação:

Pesar 200g de arroz e lavar até a água sair transparente
Deixar a escorrer cerca de 20 minutos
Colocar 1200g de água e o sal no copo da Bimby
Colocar o arroz no cesto
Programar 19min./100ºC/vel.4
Colocar o arroz num tabuleiro, regar com o vinagre, polvilhar com as sementes e envolver cuidadosamente
Deixar arrefecer totalmente
Para rechear podem utilizar uma forma para onigiris.
Caso não tenham a forma podem fazê-lo à mão, como se estivessem a moldar almôndegas recheadas. Para facilitar mantenham as mãos sempre molhadas e usem película aderente para ajudar a compactar bem as bolinhas.
No recheio usei queijo creme, pepino cortado em cubos e salmão. O salmão podem utilizar crú (nesse caso recomendo que utilizem salmão selvagem previamente congelado) ou cozinhado. Neste caso braseei o salmão e temperei com molho teryaki.
No final envolver os onigiris com alga nori cortada em tiras.

Sugestão para marmita diária #5

• Creme de ervilhas e hortelã
• Pêra assada com frutos secos, xarope de ácer e lascas de chocolate
• Crepioca de queijo
• Batata doce assada recheada com chilli
• Tangerina

Pudim de abóbora

Ingredientes:
• 90g de pasta de tâmaras ou tâmaras medjool descaroçadas
• 300g de abóbora cortada em cubos
• 350g de bebida vegetal (usei de amêndoa)
• 1 pau de canela
• 1 estrela de anis (opcional)
• 2 vagens de cardamomo esmagadas (opcional)
• 50g de amido de milho (maizena)

Modo de preparação (na bimby):
• Cobrir as tâmaras com água e demolhar por algumas horas.
• Depois de demolhadas, triturar até ficarem reduzidas a puré.
• No copo da bimby colocar a abóbora, a bebida vegetal, as tâmaras, o pau de canela, o anis e o cardamomo.
• Programar 25min./90ºc/colher/vel.inversa.
• Entretanto numa taça, dissolver o amido de milho num pouco de bebida vegetal fria. Reservar.
• Retirar o pau de canela, o anis e o cardamomo do copo.
• Programar 10min./90ºc/vel.3 e ir deitando pelo bocal o amido de milho dissolvido em água. Deixar cozinhar sem a tampinha para ir engrossando.
• Triturar 30 seg. , aumentando a velocidade progressivamente entre vel.5 e vel.7.
• Distribuir por taças (rendeu 4 taças) e levar ao frigorífico 1 ou 2 horas até solidificar.

Caso prefiram fazer o pudim no fogão:
• Cobrir as tâmaras com água e demolhar por algumas horas.
• Depois de demolhadas, triturar até ficarem reduzidas a puré.
• Num tacho colocar a abóbora, a bebida vegetal, as tâmaras, o pau de canela, o anis e o cardamomo.
• Deixar cozinhar em lume brando até abóbora estar macia.
• Entretanto numa taça, dissolver o amido de milho num pouco de bebida vegetal fria. Reservar.
• Retirar o pau de canela, o anis e o cardamomo.
• Manter o tacho sob lume brando e ir adicionando o amido de milho dissolvido em bebida vegetal, mexendo sempre.
• Cozinhar cerca de 10 minutos, mexendo sempre.
• Retirar o tacho do lume e triturar tudo com a varinha mágica, até obter uma mistura sem grumos.
• Distribuir por taças (rendeu 4 taças) e levar ao frigorífico 1 ou 2 horas até solidificar.

Este pudim serve-se bem quer frio, quer morninho pelo que podem aquecer alguns segundos no microondas antes de servir.

Acompanhei com figos frescos, canela em pó, raspas de chocolate, amaranto expandido e noz pecã, amêndoas e avelãs caramelizadas com xarope de coco.

Bolonhesa de seitan

Geralmente utilizo seitan caseiro, mas para esta receita decidi experimentar seitan de compra com alga hijiki (podem ver numa das fotos seguintes). Este seitan tem uma textura óptima para picar, sem se desfazer.

Ingredientes:
• 250g seitan (usei seitan com alga hijiki )
• 2 copos de vinho branco
• sal
• alho em pó
• pimenta
• colorau
• mostarda em grão
• sal
• azeite
• 100g de cebola picada
• 500g de puré de tomate
• açúcar
• oregãos
• 2 folhas de louro
• 160g de courgette ralada
• 50g de cogumelos frescos picados

Modo de preparação:
• Picar o seitan e fazer uma marinada com o vinho branco, sal, alho em pó, louro, pimenta, colorau e mostarda em grão.
Usei mais ou menos 2 c.sobremesa de cada tempero.
• Deixar a marinar por algumas horas.
• Num tacho largo, aquecer um fio de azeite.
• Juntar a cebola e picada e quando esta já estiver a ficar mole, adicionar o puré de tomate, sal, oregãos a gosto e um pouco de açúcar para cortar a acidez do tomate.
• Deixar cozinhar por alguns minutos.
• Adicionar a courgette e os cogumelos e cozinhar em lume brando por alguns minutos.
• Entretanto numa frigideira à parte aquecer um fio de azeite e adicionar o seitan escorrido (reservar o líquido da marinada).
Rectificar o tempero com sal e pimenta e deixar cozinhar até o seitan começar a ficar um pouco mais sequinho.
• Juntar o líquido da marina ao molho de tomate e cozinhar uns minutos.
• Adicionar o seitan e rectificar os temperos.

Servir com massa tagliatelle e queijo ralado.